Estratégias de marketing essenciais para lojas virtuais

Lojas virtuais estão surgindo aos montes pela internet todos os dias. Seduzidos pelos baixos custos de criação e manutenção, cada vez mais empresários investem no modelo online como alternativa para as vendas em pontos físicos.

Com tanta competição, o que fazer para trazer mais acessos (e mais vendas) para a sua loja? Quais as estratégias de marketing mais utilizadas por quem tem alcançado o sucesso online?

É o que saberemos a seguir.

Cliques

Um dos enganos mais frequentes de donos de lojas virtuais é acreditar que os consumidores só irão até sua loja para efetivar uma compra. Mas o que os conhecedores das melhores estratégias de marketing já sabem é que muitas das compras realizadas acontecem por impulso, e não por planejamento.

Isso significa que, quanto maior o tráfego gerado para a página da loja, maiores serão as vendas. Sendo assim, é importante investir em duas frentes:

  • Ter uma página bem estruturada, com bom funcionamento e capacidade de entregar aquilo que for vendido.
  • Trabalhar com mecanismos que tragam visitantes à página.

Vamos destrinchar melhor esses itens em seguida.

Planejamento técnico

De nada adianta ter uma boa página, muito bonita e funcional se não há capacidade de entregar o que foi prometido. Muitas lojas virtuais falham por não conseguirem lidar com a parte operacional, por isso é tão importante planejar como irá funcionar o controle de estoque e as formas de pagamento e entrega.

Com esses itens operacionais resolvidos, é hora de pensar na página em si. Ela precisa, além de ser funcional, ser atraente e fácil de lidar. As melhores estratégias de marketing apontam para clientes desistindo de comprar ao encontrarem dificuldades simples nas páginas, como não encontrarem onde calcular o frete ou como recuperar uma senha de acesso.

Agora que a sua página já está funcionando bem, é hora de atrair visitantes (e clientes) para ela.

Marketing de conteúdo

As pessoas já estão saturadas de anúncios. Todos os dias, somos bombardeados por propagandas no rádio, na TV, na mídia impressa, em cartazes pelas ruas e também na internet. Colocar mais um anúncio não é uma das melhores estratégias de marketing para lojas virtuais. O custo é alto e não existe a garantia de atingir o público correto.

Por isso, muitos lojistas estão investindo no marketing de conteúdo. Nele você não irá veicular anúncios, mas informações referentes ao mundo do qual o seu produto pertence.

É simples: se sua loja vende livros, sua página ou seu blog deverá veicular artigos com conteúdo do interesse de leitores, como resenhas, análise de lançamentos, entrevistas com autores etc.

Clientes estão buscando por esse tipo de conteúdo o tempo inteiro e acabarão sendo redirecionados para o conteúdo criado para a sua página. O marketing de conteúdo é uma das melhores estratégias de marketing para lojas virtuais, porque traz clientes em potencial e maximiza as chances de formalizar uma venda.

Redes sociais

As redes sociais são uma ótima ferramenta de vendas para lojas virtuais, desde que bem utilizadas. Um erro comum cometido por alguns empresários é criar um perfil em várias dessas redes e não colocar atualizações, o que acaba virando mais problema do que solução.

Estratégias de marketing vencedoras exigem redes sociais ativas, do tipo que conversam com os seguidores e, preferencialmente, postam conteúdo (e não apenas anúncios). Utilizando bem, elas ainda servem como termômetro para medir a reação dos clientes às novidades, bem como medir o crescimento dos negócios.

E-mail marketing

Clientes satisfeitos compram novamente, assim como podem gerar outras vendas indiretas com a opinião que tiveram sobre a loja ou o produto. O envio do e-mail marketing pode ser feito principalmente de duas formas: a primeira, e mais interessante, é captando os endereços dos clientes e visitantes e perguntando a eles se querem receber novidades; a segunda, que é consequência da primeira, é que os interessados serão colocados em uma lista para receber mensagens sempre que houver uma novidade (o que pode gerar novos negócios). Mas atenção: evite mandar muitos e-mails ou conseguir listas com terceiros, pois isso se configura como spam.

Google (SEO) e Google AdWords

A maioria das pesquisas realizadas online é feita pelo Google. Ignorar esse detalhe estaria entre as estratégias de marketing mais equivocadas, por isso, a dica é utilizar o mecanismo de busca a seu favor.

SEO (Search Engine Optimization) é a técnica que você utilizará ao preparar o conteúdo que postará na sua página, bem como nas redes sociais. As lojas virtuais encontradas primeiro, ou que estejam na primeira página do Google, têm chances muito maiores de sucesso.

Já o Google AdWords é um serviço de anúncios que espalha sua marca pela rede e cobra apenas quando alguém efetivamente clica no anúncio.  Além de ser um serviço bem mais barato do que um anúncio comum, ainda faz uma filtragem, trazendo para a sua página apenas um comprador em potencial.

Se você quiser saber melhor como utilizar esses serviços e as melhores estratégias de marketing para lojas virtuais, conheça o serviço de estratégias de marketing e transforme a sua loja virtual em um grande sucesso.